Oração ao Deus desconhecido – Friedrich Nietzsche

Em uma palestra,  Leonardo Boff cita ” A Oração ao Deus desconhecido, de Friedrich Nietzsche.

Oração ao Deus desconhecido

 
Antes de prosseguir em meu caminho e lançar o meu olhar para a frente, uma vez mais, elevo só, minhas mãos a Ti, na direção de quem eu fujo.

A Ti, das profundezas de meu coração, tenho dedicado altares festivos, para que, em cada momento, Tua voz me pudesse chamar.

Sobre esses altares está gravada em fogo  esta palavra: “Ao Deus desconhecido”.

Seu, sou eu, embora até o presente tenho me associado aos sacrilégios.

 Seu, sou eu, não obstante os laços que me puxam para o abismo.

 Mesmo querendo fugir, sintos-me forçado a servir-LO.

Eu quero Te conhecer,  óh desconhecido.

Tu, que me penetras a alma e, qual turbilhão, invades a minha vida.

Tu, o incompreensível, mas meu semelhante.

Quero te conhecer, quero só a Ti servir.

Friedrich Nietzsche

Jairo Mielnik

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Meus trabalhos, teologia, Vídeos Interessantes

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s