Esquete “Dois Chefes”

ESQUETE DOIS CHEFES

Após assistir este drama os estudantes saberão que não é possível seguir a dois chefes, terão de escolher a quem irão atender.

Elenco: 1) e 2) Dois Chefes; 3) Empregado (José ou Maria).

Atuação: Este drama é uma pantomima, portanto os atores devem exagerar nos gestos e nas expressões faciais, provocando o riso da platéia.

Cenografia: Cadeira, garrafa de água, jornal, bolsa.

Apresentação: Parece que temos um funcionário com problemas. Vamos ver se entendemos o problema dele e podemos ajudar:

Entram os atores, um chefe fica de um lado do palco, o outro de outro, e o empregado fica no meio.

Chefe 1: José, estou cansado. Traga-me a cadeira. José traz a cadeira e o chefe 1 se senta.

Chefe 2: José, estou cansado. Traga-me a cadeira.
José olha para a cadeira, se aproxima e puxa a cadeira, derrubando o chefe 1. Ele leva a cadeira para o chefe 2, e antes que ele possa se sentar o chefe 1 diz: José, minha cadeira! Traga aqui. José puxa a cadeira e o chefe 2 cai no chão. Leva a cadeira para o chefe 1 e ele se senta.

Chefe 2: José, estou com sede. Traga-me a água. José vai buscar a água, mas antes que possa entregá-la ao chefe 2, o chefe 1 diz: José, traga a água para mim. José vacila, e os dois começam a gritar pedindo a água. José corre de um para o outro, sem conseguir entregar a água, até que cai.

Chefe 1: Levanta José, traga minha bolsa. José levanta com dificuldade, pega a bolsa e traz para o chefe 1.
Chefe 2: A bolsa é minha José, traga-a aqui.
José se aproxima do chefe 1, aponta para o céu e diz: Olha lá, uma tartaruga! O chefe se distrai e olha, então ele lhe arranca a bolsa e cansado leva para o chefe 2.

Chefe 1 reclama: Traga esta bolsa aqui. José tenta voltar com a bolsa, mas o chefe 2 a agarra, e ficam puxando.
Enquanto José tenta tomar a bolsa, o chefe 1 começa a gritar: Meu jornal, José traga meu jornal. José larga a bolsa, corre para o jornal, mas o chefe 2 começa a dizer: Nada disso José, o jornal é meu traga aqui.
Os dois chefes gritam pedindo o jornal, e José fica desesperado entre eles sem saber a quem atender. Tem um acesso e começa a rasgar o jornal. Os dois chefes se calam espantados e José diz: É impossível obedecer a dois chefes ao mesmo tempo.

Saem todos e entra a pessoa que fará a aplicação. Ele dirá mais ou menos assim: Muitas vezes nossos amigos querem que façamos uma coisa, nossos pais querem que façamos outra diferente, nossos professores, outros parentes e até nós mesmos temos vontades e idéias diferentes sobre o que deve ser feito. A quem obedecer? A quem seguir? Quem está certo? Jesus ensinou isto, que realmente não podemos seguir a vários chefes, e nos convidou a seguir apenas a ele, e guiar nossa vida apenas pela direção dele. Neste livro que vamos lhe dar de presente hoje, você encontrará a orientação de Jesus para sua vida, e quando muita gente à sua volta lhe apontar direções diferentes para seguir, você saberá que o melhor caminho é o que Jesus ensina.

¬^^

Anúncios

3 Comentários

Arquivado em Amme Evangelizar, esquetes, Evangelismo criativo, Métodos de Evangelismo, Missões

3 Respostas para “Esquete “Dois Chefes”

  1. Vamos apresentar essa esquete aqui na Igreja Batista em Diamante do Norte – PR!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s